Image Map
Image Map
Image Map

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Secretaria de Esportes pede reajuste nos valores para utilização do Rei Pelé

Uma reunião entre a secretária de Esportes, Lazer e Juventude, Cláudia Petuba e o Presidente da Federação Alagoana, Felipe Feijó, debateram a situação do Estádio Rei Pelé, a maior praça esportiva do Estado. Na oportunidade, a reunião teve como pauta principal a questão dos valores pagos pelos clubes para a utilização do estádio.
A informação apurada com diretores da FAF é de que o Estado tem um custo por volta de R$ 8 mil para abrigar uma partida no Rei Pelé. Entretanto, o valor cobrado para os clubes gira em torno de R$ 3 mil. Uma planilha de custos foi apresentada pela equipe da secretaria aos membros da FAF, detalhando os custos operacionais do Estado e a necessidade de um reajuste desses valores.
O objetivo da secretaria é fazer com que a diferença entre o valor cobrado aos clubes e o custo operacional do estado seja menor. De acordo com assessoria de comunicação da Secretaria de Estado do Esporte, Lazer e Juventude (Selaj), a reunião não discutiu a questão dos laudos necessários para a utilização do Estádio Rei Pelé.
Ainda de acordo com a assessoria, os laudos devem estar prontos até o final da semana, liberando o Estádio Rei Pelé para competições oficiais da temporada 2016.
NM com Gazetaweb.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA