Image Map
Image Map
Image Map

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Didira muda discurso e não descarta jogar em outro clube de Alagoas

Negociado recentemente com o futebol chinês, o meia Didira falou que não defenderia outro clube em Alagoas que não fosse o ASA, justificando a gratidão que tem pelo Alvinegro. Mudou de ideia. Passados alguns dias da declaração, o meia admitiu que pode vestir outra camisa no estado.
ASA didira (Foto: Reprodução/TV Gazeta)Didira admite que é preciso pensar no lado profissional também(Foto: Reprodução/TV Gazeta)
- Realmente eu falei [que só jogaria no ASA], mas às vezes na vida é preciso ser profissional. A carreira de jogador é curta e hoje penso que se chegasse uma proposta como essa que chegou da China eu poderia avaliar melhor. É primordial você pensar no clube que te revelou, na consideração das pessoas com quem você trabalha e te valorizam, mas tem que avaliar o lado profissional também. A carreira de jogador um dia termina e a vida continua, então você precisa olhar por esse lado também - informou o ídolo do ASA.
Sem ter a data da viagem para o continente asiático definida, ele disse que tem dedicado a maior parte do tempo para estar próximo de familiares.
- Na próxima semana eu devo estar definindo a data da minha viagem lá para a China. Estou com a expectativa muito boa e, enquanto isso, acerto esses detalhes, tenho aproveitado os momentos com a minha família. Afinal de contas, depois que eu viajar, não terei esse contato com eles por um bom tempo - justificou.
Mais uma vez, Didira salientou o carinho que tem pelo ASA e não escondeu e vontade de um dia voltar a defender as cores do Fantasma.
Revelado nas categorias de base do ASA, Didira fez 81 gols com a camisa alvinegra. Antes da negociação com o futebol asiático, ele só havia saído do Gigante para defender o Atlético-MG, em 2011. O meia vai defender o Shanghai Shenxin, da China.- Eu sou muito grato por tudo que fizeram por mim aqui no ASA e se eu estou indo embora é para ajudar a minha família. Mas o bom filho sempre volta à casa. Não deixo de amar o ASA e desejo que Deus possa abençoar a todos e que o clube possa continuar fazendo boas campanhas e conquistando títulos mesmo sem o Didira aqui - finalizou.
Didira, meia do ASA (Foto: Ailton Cruz/ Gazeta de Alagoas)Com a camisa do ASA, meia conquistou dois alagoanos e um acesso para a Série B (Foto: Ailton Cruz/ Gazeta de Alagoas)NM com globoesporte.com/al

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA