Image Map
Image Map
Image Map

terça-feira, 13 de outubro de 2015

Lei Federal deixa apenas três clubes aptos para disputar alagoano 2016

O Esporte Clube Penedense garantiu sua presença no Campeonato Alagoano da Primeira Divisão em 2016, com o empate por 2 x 2 frente o 7 Setembro, no jogo realizado no último domingo (11) no estádio Alfredo Leahy (foto ao lado) na histórica cidade de Penedo. Porém, o acesso do time ribeirinho trouxe para a discussão alguns temas importantes. O campeonato alagoano está sendo disputado por apenas três equipes, justamente porque as demais foram vetadas pela Federação Alagoana de Futebol, porque não atendiam aos requisitos necessários.

E, com certeza, o jovem Felipe Feijó deverá manter pulso firme para continuar o processo de organização do futebol alagoano. E começamos pelo tema estádio, o tradicional Alfredo Leahy precisa dispor de iluminação artificial, os refletores são obrigatórios. Outras questões também devem ser resolvidas e, para isso, deve haver uma mobilização daquela comunidade, para que as exigências sejam cumpridas e o estádio aprovado.
E entra em campo uma outra discussão: o PROFUT, que é o programa da modernização da gestão e de responsabilidade fiscal do futebol brasileiro. Conforme a Medida Provisória 671, sancionada pela presidente DilmaRousseff, os clubes terão de apresentar as certidões negativas da Receita Federal, INSS, Justiça do Trabalho, entre outras. Em Alagoas, apenas três clubes estariam aptos no momento: CRB, Coruripe e Santa Rita.

A CBF e as federações dificuldades para os Estaduais de 2016, porque boa parte dos clubes não teriam como cumprir as obrigações de ter as certidões negativas de débitos fiscais e de quitação de FGTS e, com isso, ficariam impedidos de participar.
Já houve uma reunião entre a Confederação Brasileira de Futebol e Federações Estaduais para discutir o problema. De acordo com o que foi informado, uma das alternativas estudadas é solicitar que o Governo Federal promova uma mudança na regulamentação, aumentando o prazo para que os clubes se adaptem a nova lei.

Conforme o que foi divulgado, a CBF solicitou que as federações façam um levantamento dos clubes filiados a cada uma das entidades, para saber quais são aqueles que não dispõem das certidões, exigidas pela Receita Federal. De posse dessas informações, a lista deve ser apresentada ao Governo.
Em Arapiraca, a direção já vem travando uma luta no sentido de obter todas essas certidões, conforme tem sido colocado pela direção, através do presidente Bruno Euclides e seu vice Helly Carlos Albuquerque. Para facilitar um pouco mais a vida alvinegra, a prefeitura local isentou a equipe do I.S.S ( Imposto Sobre Serviços), conforme foi anunciado a época pelo secretário de Finanças, Lucas leão.

NM com Aqui Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA