Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 23 de agosto de 2015

ASA deve ter força máxima diante do Cuiabá

ASA volta aos treinos podendo repetir a formação que derrotou o Fortaleza (Foto: Ascom do ASA)
Sem ninguém suspenso e, em princípio, nenhuma baixa, o ASA deve ser o mesmo que venceu o Fortaleza na partida contra o Cuiabá, domingo, às 17h, na Arena Pantanal, pela 14ª rodada da Série C. O placar de 1x0 no sábado passado foi fundamental para o Fantasma de Alagoas se manter no G4 da competição.

Restando cinco rodadas para ser encerrada a fase de classificação, o lateral-esquerdo Fábio Alves diz que seu time tem que se superar a partir de agora.

- A derrota para o América-RN serviu para um cobrar do outro. Ganhamos do Fortaleza porque nos superamos. A partir de agora, vamos seguir caminhando, passo a passo, até o último jogo.

Fábio Alves acrescenta que sua equipe vai, agora, para mais um jogo difícil. “O próximo adversário está tentando a reação no campeonato e vai atuar diante de sua torcida. Mas, se der, vamos tentar adiantar a nossa classificação, embora eu ache que tudo só vai ser decidido na última rodada por causa do equilíbrio das equipes”.

No compromisso passado, diante do Fortaleza, o ASA foi a campo com Pedro Henrique, Gabriel (Chiquinho Alagoano), Luca Bahia, Leandro Souza e Fábio Alves; Jorginho, Max Carrasco, Marcos Antônio (Marlon) e Didira; Uederson (Valdanes) e Alex Henrique.

Elenco e CT

Quanto a reforços para a sequência da Série C, o presidente Bruno Euclides diz estar satisfeito com o atual elenco. Porém, afirma que está atento ao mercado de transferências e não descarta uma futura contratação, em caso de necessidade.

- Acredito na equipe que temos em mãos e na capacidade de cada um. Agora, com o retorno do Alex Henrique, temos a confiança de que o atleta irá suprir a necessidade do ataque alvinegro. Uma futura contratação não está descartada, mas não ela não é uma prioridade.

Já sobre o Centro de Treinamentos do Gigante, Euclides aponta as dificuldades enfrentadas nesta temporada como um dos grandes empecilhos ao andamento das obras. Porém, ressalta a existência de um planejamento para que, no próximo ano, o CT já possa funcionar.

- O CT não está à disposição do clube devido a todas as dificuldades financeiras que o ASA tem enfrentado durante este ano. Esperamos o acesso para a Série B para que possamos nos planejar e gerar receitas para colocarmos o CT em funcionamento em 2016. Porém, tudo Vai depender do que acontecer no próximo ano.

NM com gazetaweb.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário